Banho e Tosa de Cães

Em 10-jul-2014 | por David Loureiro


Banho e Tosa de Cães

Todos que possuem um cão como animal de estimação sabem o quão mal cheiroso ele pode ficar se não tiver uma higiene regular. O banho e tosa de cães são ferramentas importantes para manter a saúde do seu cão e evitar problemas de saúde tanto do animal, quanto do seu dono. Pulgas, carrapatos e todo tipo de bactéria ou doença de pelos e pele podem ser facilmente evitadas para que o dono não precise gastar mais tendo que tratá-las.

Conhecer os hábitos do cão também é importante para saber quanto banho ele necessita e quão frequente deve ser a tosa do cão. Cães que costumam ficar muito tempo em ambientes externos tendem a se sujar com mais facilidade, e cães que vivem em apartamentos precisam de banhos mais regulares pelo cheiro.

Alguns cães possuem uma tendência maior a desenvolverem problemas de pele, nesse caso, o banho e a tosa são extremamente necessários para evitar que esses problemas se desenvolvam. Em algumas raças o cuidado com os olhos deve ser redobrado, pois elas tem uma predisposição maior a produzir bactérias nocivas. A limpeza diária é necessária.

Porém, animais não são como humanos que precisam tomar banhos diários. Assim como há bactérias nocivas para o animal, também há aquelas necessárias que se desenvolvem para proteger o cão. Banho toda a semana pode gerar problemas sérios para o bichinho. Algumas raças tem necessidade de banhos mais frequentes, outras não, é sempre bom ficar de olho nisso.

Tosa de Cães
A tosa é importante não apenas para a estética, mas também para a saúde do cão

A tosa também deve ser no momento certo, pois ela não serve somente para deixar o cão mais bonito, e sim para o proteger da temperatura e vice-versa, ou evitar que o cão se suje mais e crie mais nós se o pelo dele tiver mais predisposição a isso.

O processo de tosa é muito importante não apenas para estética, mas para a saúde e higiene do cachorro, especialmente para determinadas raças. A tosa facilita a transpiração do animal e favorece o bem estar do pet, por isso é mais frequente nas épocas de calor.

O tipo de tosa mais comum é a tosa chamada de higiênica e o nome torna sua utilidade autoexplicativa. Ela consiste em cortar os pelos das patas, dando maior segurança para o cão andar e evitando que fungos ou outros parasitas se acumulem no local, da barriga para que eles não embaracem, da região anal e genital, evitando que eles se sujem com as necessidades do pet. Em algumas raças a tosa higiênica pode incluir a região do focinho, orelhas e/ou cauda.

Banho Terapêutico
O banho terapêutico é utilizado para tratar doenças como a Dermopatia

Além do banho estético, esse banho comum que tem como finalidade manter seu cachorro limpo e cheiroso, também realizado antes do procedimento de tosa, existe o banho conhecido como terapêutico. No banho estético o shampoo utilizado é simples e voltado para uso em cães, sem qualquer principio ativo, enquanto no banho terapêutico é utilizado um shampoo indicado por um veterinário para tratar uma dermopatia.

A dermopatia é qualquer doença que possa afetar a pele e/ou o pelo do cão, incluindo pulgas e carraptos, e a forma mais simples de tratar é com um shampoo próprio que vai agir diretamente sobre o problema sem deixar resíduos que o pet possa tentar lamber.

A higiene e os cuidados de banho e tosa com o cão são deveres do dono, pois o bichinho de estimação é dependente do seu dono e merece se sentir bem.